18/10/2013

Presta novo depoimento à polícia nesta sexta-fera a advogada Mysheva Martins,  noiva do promotor Thiago Faria, assassinado na segunda-feira passada. Mysheva chegou à Delegacia de Águas Belas, cidade onde ocorreu o crime, por volta das 9h40. A ouvida está sendo feita pelo delegado Alysson Campos.
A advogada já havia comparecido à delegacia na manhã de ontem. De acordo com a polícia, o objetivo do novo depoimento seria esclarecer algumas dúvidas, já que a noiva da vítima estaria bastante nervosa e sob efeito de calmantes durante a primeira ouvida. Na ocasião, ela chegou à delegacia acompanhada de parentes e entrou sem falar com a imprensa. 

Testemunha ocular do crime, Mysheva estava no carro do promotor quando ele foi emboscado. Foi ela quem reconheceu, por meio de fotografia e depois presencialmente, o homem que teria efetuado os disparos que mataram o promotor e que está preso.

Também há informações, ainda não confirmadas, de que um ex-noivo de Misheva deve prestar depoimento ainda nesta sexta-feira. O homem, que seria dono de uma funerária, teria mantido um relacionamento com advogada por dois anos. O noivado teria acabado depois que a advogada conheceu o promotor, em janeiro deste ano.


Esta manhã, em etrevista ao Diario de Pernambuco, o delegado do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Joselito Kehrle, disse que a polícia continua trabalhando com a mesma linha de investigação de crime motivado pela disputa de terras na região.

Ele acrescentou que policiais de diversos estados nordestinos foram acionados para auxiliar nas buscas pelo fazendeiro José Maria Pedro Rosendo Barbosa, apontado pela polícia como mandante do crime. O delegado não confirmou o depoimento do ex-noivo de Mysheva e negou a informação de que ela estivesse grávida da vítima.Com informações Diário de Pernambuco.

Blog: O Povo com a Notícia
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

  • RSS
  • Delicious
  • Digg
  • Facebook
  • Twitter
  • Linkedin
  • Youtube