30 de mai de 2016



As 320 casas lotéricas da Paraíba vão seguir um calendário de protesto contra a Caixa e estarão paralisando.
As atividades das casas lotéricas da Paraíba serão paralisadas de 4 a 11 de junho, devido a defasagem no aumento das tarifas repassada pela Caixa Econômica Federal para os estabelecimentos. A paralisação é um alerta do Sindicato dos Empresários Lotéricos do Estado da Paraíba que segue um movimento nacional.
As 320 casas lotéricas da Paraíba vão seguir um calendário de protesto contra a Caixa e estarão paralisando os atendimentos de alguns serviços. Além das apostas, as lotéricas servem como correspondentes bancários, podem ser efetuados nos estabelecimentos: pagamentos, depósitos e recebimento de benefícios sociais, mas o pagamento de boleto será paralisado para chamar a atenção das dificuldades que os empresários vêm passando pela falta de reajuste das tarifas pagas pela Caixa Econômica Federal.
No dia 4 e no dia 11, as lotéricas não vão receber pagamentos de nenhum boleto bancário ou conta de consumo e entre os dias 6 e 10 seguirão um calendário onde boletos de determinados bancos não serão pagos.
A presidente do Sindicato, Marlene Falcão lamentou que a medida tenha que ser adotada. Ela destacou que o Sindicato vem tentando negociar com a Caixa a mais de ano, mas que há dois anos as tarifas pagas as lotéricas não foram reajustadas, prejudicando a manutenção dos serviços. Só na Paraíba, mais de sete mil empregos diretos são gerados pelo seguimento.
Ela lembrou que os serviços realizados nas lotéricas desafogam as filas bancárias e revelou que só na Grande João Pessoa são 120 casas loterias em atividade. Marlene explicou que o reajuste solicitado não vai onerar os clientes que fazem os pagamentos de boletos, mas que o pleito dos empresários é para atualizar o valor da tarifa paga pela Caixa as casas lotéricas. Acontece que, apesar de ter o reajustado o valor dos serviços para cobrança e pagamento de boleto, a Caixa Econômica Federal vem se negando a reajustar os valores pagos a seus correspondentes.

Fonte MaisPB

Foto: Reprodução Internet.
O gabarito da prova do Concurso Público da Polícia Militar de Pernambuco realizado neste domingo (29), já se encontra disponível no site da UPNET. Após entrar no site, na lateral direita estarão os cadernos (branco, verde, azul e amarelo), e desta forma você irá conferir o gabarito.
A Secretaria de Defesa Social informou que foram inscritos 123.040 candidatos para preenchimento de 1.500 vagas ofertadas para o cargo de Soldado da Polícia Militar. A concorrência foi de 82 candidatos para uma vaga.
 GABARITO

29 de mai de 2016

 
Após entrevista da presidente afastada Dilma Rousseff (PT) ao jornal Folha de S. Paulo, o presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), rebateu as críticas da petista em sua conta no twitter e a chamou de mentirosa e despreparada.
cunha bandidoPresidente do PT diz que atos pró-Dilma têm conteúdo político superior à ‘multidão de coxinhas’
“Dilma mente tanto, que já estamos aprendendo a identificar quando ela mente; basta mover os lábios”, afirmou Cunha em sua conta no twitter.
Em entrevista à Folha, Dilma afirmou que Cunha tem forte influência sobre o governo e que “Temer terá que se ajoelhar”.
O presidente afastado da Câmara disse ainda que a fala de Dilma traz “arrogância e mentiras habituais” e demonstra a “incapacidade e desespero” da petista para governar.
Cunha destacou que até o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se arrependeu de ter escolhido Dilma como sua sucessora. “Além do crime de responsabilidade cometido e que motivou o seu afastamento, as suas palavras mostram o mal que ela fez ao País. O custo da reeleição de Dilma para o povo brasileiro já está em R$ 303 bilhões de déficit público, além de uns R$ 700 bilhões de juros da dívida”, pontuou.
Além disso, o presidente afastado da Casa disse que o descontrole das contas públicas aumenta a inflação e a despesa com os juros da dívida. “Sua gestão foi um desastre”, conclui Cunha, finalizando com seu bordnao favorito dos últimos tempos, o “tchau, querida”.

Fonte: TERRA 
Publicado por: 


Delegado Joselito Amaral deu detalhes sobre a Operação Ponto Eletrônico (Foto: Thays Estarque / G1)
A Polícia Civil de Pernambuco desarticulou um grupo suspeito de tentar fraudar o concurso da Polícia Militar (PM), que ocorreu na manhã deste domingo (29) em várias cidades de Pernambuco. De acordo com a corporação, a quadrilha tentou burlar o certame com a utilização de pontos eletrônicos para repassar gabaritos a uma pessoa que estava do lado de fora do prédio onde a prova era realizada. O grupo planejava atuar tanto na capital como no interior do estado. Ao todo, 13 pessoas foram presas, incluindo professores, candidatos e o líder do esquema.

De acordo com o diretor metropolitano da Polícia Civil de Pernambuco, Joselito Amaral, os professores fizeram as provas relativas às suas matérias e, faltando 15 minutos para o fim do tempo estipulado, saíram e entregaram os gabaritos para o líder, que estava dentro de um carro, em local não divulgado, no Recife.

Segundo o policial, o concurso não foi prejudicado, pois os agentes prenderam o cabeça da operação antes que pudesse repassar os gabaritos aos candidatos que seriam beneficiados com a fraude. Amaral acrescentou que a regra que estipula que os candidatos só podem deixar os locais de prova faltando 15 minutos para o fim, foi criada, justamente, para pegar esse grupo que já vinha sendo investigado.

"As famílias [dos candidatos] têm muito a lamentar. Pais e mães que estiveram aqui e presenciaram seus filhos sendo presos por fraude, justamente em um concurso de pessoas que vão tentar combater a criminalidade", afirmou Joselito Amaral. Os suspeitos foram pegos em várias cidades do estado, mas a maioria deles na Região Metropolitana do Recife.
Grupo é preso por tentar fraudar concurso da Polícia Militar em PE (Foto: Thays Estarque/G1)
Carro onde líder do esquema comandava esquema foi apreendido (Foto: Thays Estarque/G1)
A polícia informou que as investigações continuam e outras pessoas podem estar envolvidas. Além dos presos, os agentes apreenderam modernos pontos eletrônicos e um Honda Civic prata, onde estava o líder do esquema. Todos os presos serão ouvidos e, na segunda-feira pela manhã, serão encaminhados para audiência de custódia. Todos responderão pelo crime de fraude.

Coordenada pela Polícia Civil, com o apoio da Polícia Militar, as investigações tiveram início há pouco mais de um mês. O material apreendido foi encaminhado para a sede do Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil (GOE), Cordeiro, Zona Oeste do Recife. Mais informações da 'Operação Ponto Eletrônico' serão divulgadas nesta segunda-feira (30) na sede da Secretaria de Defesa Social. Ao todo, 50 policias civis e 162 PMs trabalharam na operação.

Concurso

Com mais de 121 mil inscritos - cerca de 80 candidatos concorrendo a uma única vaga – este concurso da Polícia Militar é tido como um dos maiores já vistos no estado. Eles vão disputar as 1.500 vagas disponíveis. A relação de candidatos por vaga é quase o triplo do número de concorrentes a uma vaga do curso de Medicina da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) em 2014. Na época, havia 30,2 candidatos disputando uma das vagas no curso da universidade. 
Fonte G1

A qualquer momento mais informações. Última atualização: 14h55

No início da manhã deste domingo (29/05), uma mulher morreu em um acidente envolvendo uma cinquentinha e um carro de passeio, na PB-306, próximo à ponte do açude velho, na saída de Tavares para a cidade de Princesa Isabel, ambas localizadas no Sertão da Paraíba.
O veículo, modelo corolla, de cor preta, era guiado pelo cantor e empresário tavarense, Neto Lima, que antes do acidente participou da última noite do Forrojão 2016 em Tavares, festa realizada pela prefeitura, através da empresa do vocalista.
Informações extraoficiais dão conta de que Neto não teria visto a motocicleta na frente e ao fazer uma das curvas da rodovia bateu na traseira dela. Com o impacto da colisão, o condutor da cinquentinha identificado como Marcos Antônio, conhecido por Melozo, ficou gravemente ferido e foi socorrido para UPA 24 horas em Princesa Isabel, sendo em seguida transferido para Campina Grande. Já a vítima fatal, Marcioneide Pinto, que seguia na garupa morreu no local. Ainda não se sabe se o cantor e empresário tavarense sofreu ferimentos.
Fonte e fotos Blog do Aryel Aquino.

A parlamentar disse ser a favor da impotência química e até do corte físico do órgão sexual masculino

Eliza Virgínia
A vereadora de João Pessoa, Eliza Virgínia, postou um vídeo nas redes sociais nesta sexta-feira (27) onde defendeu a castração de estupradores. A parlamentar disse ser a favor da impotência química e até do corte físico do órgão sexual masculino

A declaração foi motivada pelo estupro coletivo que aconteceu no Rio de Janeiro. De acordo com o relato da jovem à polícia, ela teria sido violentada por 33 homens fortemente armados em uma casa no alto do Morro São José Operário, na Praça Seca. Os homens seriam ligados ao tráfico de drogas na região.


Politica&etc

O Senado deverá analisar esta semana projeto de lei que altera a maioridade penal para 16 anos. O assunto é polêmico, com os críticos questionando sobre a eficácia dessa medida. As prisões, superlotadas, não comportam essa medida e os efeitos poderão ser desastroso. (Por Robson Pires )



Ainda é apenas uma etapa, mas das mais importantes. Em novembro, uma vacina contra o vírus zika, que está sendo desenvolvida pelo Instituto Evandro Chagas, no Pará, em parceria com a Universidade Medical Branch do Texas, nos Estados Unidos, deverá começar a ser testada em animais. Essa fase antecede os testes feitos em seres humanos, esta sim a fronteira final para que a vacina possa ser usada na população para combater o vírus que causa a microcefalia em bebês. Os testes em animais, que estavam previstos para começar em 2017, foram antecipados em três meses. O objetivo é desenvolver uma vacina com vírus vivo, mas enfraquecido – ou atenuado, como é chamada cientificamente –, para ser aplicada em dose única. O público-alvo serão mulheres em idade fértil, mas que não estejam grávidas.

A boa notícia vem justamente num momento em que empresas farmacêuticas manifestam dúvidas em entrar na corrida para desenvolver uma vacina contra o zika. A agência de notícias Bloomberg afirmou que a Glaxo, a Merck & Co. e a Johnson & Johnson “estão se movimentando lentamente”, ao contrário do que aconteceu há dois anos, quando uma epidemia de ebola deixou 11 mil mortos na África, e as empresas se engajaram em desenvolver novas drogas. O desânimo da indústria para combater o zika estaria baseado na percepção de que não há necessidade de uma vacina. Os executivos acreditam que, até a vacina ficar pronta, muitas pessoas já terão imunidade ao vírus (o que certamente significa que ele já terá feito muitas vítimas). Assim, a vacina seria um artigo para ser usado em surtos isolados e não em massa na população, o que diminuiria os lucros das empresas.

O ponto de vista da indústria não é uma surpresa. Em entrevista a ÉPOCA em fevereiro, o especialista em vacinas Peter Hotez disse que é um erro esperar que a solução venha das grandes farmacêuticas. A perspectiva fria das contas no papel, que parece sugerir que a vacina contra zika não é necessária, é bem diferente da realidade enfrentada pelos médicos cotidianamente nos hospitais, principalmente no Nordeste do país. Mulheres grávidas com sintomas de zika continuam a chegar aos hospitais. 

Os pesquisadores usam técnicas de engenharia genética para induzir alterações em genes relacionados à capacidade do vírus de causar lesões. É importante que ele continue sendo capaz de infectar as pessoas e estimular o sistema de defesa a produzir anticorpos – mas tem de fazer isso sem causar as malformações que tristemente ficaram conhecidas mundo afora. Os pesquisadores usaram técnicas de engenharia genética para alterar os aminoácidos produzidos pelos genes. A cada alteração, eles fazem cópias do vírus modificado e testam sua capacidade de infectar e causar lesões em células animais e humanas cultivadas em laboratório. A ideia é selecionar a melhor variante do vírus para uma vacina. É nessa etapa que os pesquisadores estão agora.

O próximo passo é testar como esse vírus feito sob medida para a vacina afetará camundongos com o sistema de defesa enfraquecido. A pesquisa em voluntários humanos será feita pela Bio-Manguinhos, um dos institutos da Fiocruz com experiência na produção de vacinas. São três fases, e o número de participantes aumenta a cada etapa. Começa em torno de 200 voluntários, na primeira fase, até chegar a 20 mil na terceira. 

Pode levar até cinco anos para completar as três fases, mas Vasconcelos, do Evandro Chagas, diz que é possível apressar o andamento diante da gravidade da epidemia de zika. A partir do sinal verde da agência, o governo brasileiro poderia apresentar à Organização Mundial da Saúde (OMS) a proposta para encurtar os prazos de testes. 

Nos testes com voluntários, os pesquisadores avaliarão se a vacina é segura e se é capaz de estimular o sistema de defesa a produzir anticorpos. Os parâmetros para considerá-la eficaz ainda não foram definidos. A decisão será discutida na próxima reunião do Comitê de Emergência para Zika e Microcefalia da OMS, que acontecerá nos dias 6 e 7 de junho, em Genebra. Ao final do estudo, se a vacina for considerada eficaz, a patente será dividida entre a  Universidade do Texas e o Instituto Evandro Chagas. O governo brasileiro produzirá a vacina para ser distribuída na rede pública, e a Universidade do Texas poderá repassar o direito de comercialização a uma empresa, que não poderá vender a vacina no Brasil. (Via: Revista Época)

O mel de abelha contém proteínas e diversos sais minerais e vitaminas essenciais à saúde. Tem um alto potencial energético e várias propriedades medicinais.

 É um ótimo substituto do açúcar em sucos e outras bebidas. Enfim, é um bom alimento. Infelizmente, também é um produto muito falsificado. 

 Na teoria, há uma rigorosa legislação e fiscalização. Mesmo assim, a julgar pela quantidade de mel falso, nada disso está funcionando. O que fazer para não cair no conto do mel falso? Vamos dar agora sete dicas que ajudarão você a identificar um mel verdadeiro e ficar longe do falso.

 Todas são supersimples e você não irá gastar muito de seu tempo ao fazê-las.

 Vamos às dicas:
1. Se o mel não cristaliza depois de alguns meses, com certeza é falso.
O mel verdadeiro, com o tempo, cristaliza.
O falso não.
2. O mel falsificado é mais líquido do que o real.
Coloque um palito no mel e, em seguida, retire-o.
O produto será verdadeiro se uma sequência ininterrupta de mel escorrer pelo palito.
Se escorrer e rapidamente parar, o mel certamente será falso.
3. Coloque 1 colher (sopa) de mel e três colheres (sopa) de álcool puro em um recipiente.
Aqueça esse reciente em banho-maria.
Quando estiver aquecido, mexa a mistura.
Mel de verdade vai dissolver enquanto o falso vai deixar uma mancha branca no fundo do copo.
4. Coloque algumas gotas de mel em uma folha de papel.
Se ele não é absorvido pelo papel depois de um tempo, o mel é natural.
Mel falsificado contém uma grande quantidade de água e será absorvido pelo papel imediatamente.
5. Esfregue um pouco de mel nos seus dedos.
Mel de verdade é facilmente absorvido pela pele.
Se ela se mantém pegajosa, isso significa que ele é falso e contém açúcar ou edulcorantes artificiais.
6. Coloque um pouco de mel em um copo com água.
O mel verdeiro vai formar um coágulo e cairá no fundo do copo, enquanto o falso vai se dissolver rapidamente.
7. Ponha um pouco de mel em um pedaço de pão.
Se o pão ficar duro, o mel é completamente natural.
Se só umedecer o pedaço de pão, é falso, por causa da grande quantidade de água na sua composição.
Além dessas dicas, desconfie de mel muito barato.
Existe um custo de produção e um bom mel certamente não é tão barato.
Fonte Blog A Cura Pela Natureza

GRÁTIS: Começa nesta quarta período de inscrições para o Programa de Habilitação Social do governo do Estado
Mais 1,5 mil paraibanos de baixa renda terão acesso à Carteira Nacional de Habilitação gratuitamente, por meio do Programa de Habilitação Social (PHS). A terceira edição do programa foi lançada neste sábado (28) pelo governador Ricardo Coutinho, durante a última plenária do Orçamento Democrático Estadual, Ciclo 2016, realizada  no Espaço Cultural, no bairro de Tambauzinho, na Zona Leste de João Pessoa.

A Portaria do Departamento Estadual de Trânsito que normatiza o PHS 2016 também será publicada no Diário Oficial do Estado neste sábado. Ela estabelece o período de inscrições a partir da próxima quarta-feira (dia 1º de junho), se estendendo até o dia 10 de julho deste ano, exclusivamente por meio deste link  www.habilitacaosocial.pb.gov.br

O programa foi criado em 15 de maio de 2012, com a finalidade de possibilitar o acesso gratuito das pessoas de baixo poder aquisitivo à obtenção de Autorização para Condução de Ciclomotores (ACC) e da primeira Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nas categorias A ou B, na hipótese de adição de categoria A ou B, bem como na mudança de categorias para C, D ou E.

Vagas: O PHS reserva 50% das vagas para inscritos no cadastro único para programas sociais do governo federal, beneficiários ou com perfil para o Bolsa Família. As demais vagas são distribuídas da seguinte forma: 15% para pessoas com renda familiar igual ou inferior a um salário mínimo ou que estejam desempregadas; 20% para alunos matriculados ou que tenham concluído os programas Projovem e Brasil Alfabetizado; 10% para pessoas egressas e liberadas do sistema penitenciário, bem como aqueles que tenham cumprido medida socioeducativa de internação, nos termos do Estatuto da Criança e do Adolescente, completado ainda 18 anos de vida, e 5% para beneficiários do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

O programa dispensa o candidato à CNH do pagamento das taxas relativas aos exames de aptidão física e mental; das taxas na adição de categoria; das taxas na mudança de categoria; do pagamento da Licença para Aprendizado de Direção Veicular (LADV); das taxas para Permissão para dirigir A ou B e do pagamento de taxas para realização dos cursos teórico-técnicos e de prática de direção veicular.

De acordo com a Legislação que rege a ação, o PHS é um programa social de formação, qualificação e habilitação profissional de condutores de veículos automotores, que visa contribuir com o desenvolvimento social a partir de uma perspectiva de inclusão no mercado de trabalho, além de proporcionar a regulamentação daqueles que andam irregularmente pelas vias de trânsito. É vinculado à Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social, por meio do Detran-PB, e tem como parceiras as Secretarias de Desenvolvimento Humano, da Cidadania e Administração Penitenciária, e de Educação.

Todos os Centros de Formação de Condutores (autoescolas) em funcionamento são obrigados a reservar parte das vagas para o programa. De acordo com o regulamento, 80% das vagas serão para candidatos à obtenção da primeira CNH e 20% para os candidatos à mudança de categoria. As vagas destinadas aos candidatos que se inscreverem para a primeira habilitação serão subdivididas em 70% para a categoria A (motos) e 30% para a categoria B (carros). Pelo programa, os candidatos que tiram a CNH na categoria “A” (motociclistas) recebem um capacete, como forma de incentivo ao uso do equipamento de segurança.

Seleção: Os candidatos inscritos pelo site serão selecionados de acordo com a distribuição e a destinação das vagas, obedecendo os termos previstos no edital. A divulgação dos resultados será publicada no Diário Oficial do Estado e no site do programa, sendo divididos por região geoadministrativa, de modo que sejam contemplados candidatos em todos os municípios paraibanos.

Os selecionados deverão comprovar os dados cadastrais mediante apresentação de documentos. Aqueles que não comprovarem a veracidade das informações prestadas durante a inscrição online serão eliminados e substituídos por candidatos inscritos dentro do prazo legal e que constarão no cadastro de reserva.

Atualmente o custo da CNH passa de R$ 1 mil. Pelo programa, o Governo do Estado dispensa o pagamento de taxas e assume os custos cobrados pelos Centros de Formação de Condutores credenciados.
Fonte: Paraíba Noticia

28 de mai de 2016

“No final de 2013 e durante 2014 houve produção de grande quantidade de turmalina paraíba na mina da empresa Parazul Mineração”. “No início de 2014, a Parazul produziu em torno de dez quilos da raríssima pedra”. “A mina da Parazul era guarnecida por seguranças armados, em regra policiais militares do Rio Grande do Norte”. E, sim, “o afegão Zaheer Azizi (ainda foragido) também investiu na Parazul e é sócio oculto da mineradora Terra Branca”.
Essas informações fazem parte da delação premiada de Ranieri Addário, obtida pelo Ministério Público Federal em Patos (PB) e já homologada pelo juízo da 14ª Vara da Justiça Federal. Addário é sócio da empresa Parazul Mineração Comércio e Exportação Ltda – ME, exploradora de mina de turmalina paraíba, localizada no distrito de São José da Batalha, no município de Salgadinho, na região do Cariri, na Paraíba.
Réu em ação penal, Ranieri confirmou que os sócios e investidores da mina tinham pleno conhecimento de que a Parazul Mineração não possuía autorização do Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM) ou do Ministério de Minas e Energia para lavrar. Também sabiam que a empresa não possuía licença do órgão ambiental para efetuar a exploração do minério. ( Fonte Robson Pires )


cuteloTodo estuprador deveria ser castrado. Essa é a minha opinião. Sem dó e sem piedade.
Aí eu queria ver se tinha mais estupro.
Ou melhor: “capado” como dizia meu saudoso avô.
 (Robson Pires)


Com uma mega estrutura incluindo ornamentação, palco, som, iluminação, painel de led e banheiros químicos, aconteceu nesta sexta-feira (27/05), na Avenida Manoel Lima, no centro da cidade de Tavares, no Sertão da Paraíba, os shows musicais da dupla sertaneja Nivaldo & Adriano, Gabriel Diniz (GD) e Forró Bakana, dentro da programação do Forrojão 2016, promovido pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Cultura.
A festa teve início às 21h30. Um grande público composto por forrozeiros de cidades de diferentes estados prestigiou o evento, que ainda contou com a presença do prefeito do município, Dr. Aílton Suassuna, que também subiu ao palco para saudar a multidão presente.
O prefeito estava acompanhado da primeira-dama e secretária de saúde, Shelley Suassuna; bem como de demais secretários e diretores municipais, além de assessores, vereadores e do ex-prefeito, Dr. Severiano Bezerra.
A segurança do evento ficou por conta da Polícia Militar e uma equipe de homens, contratada pela prefeitura. O Forrojoão 2016 se encerra na noite deste sábado (28) com os shows de Feitiço de Menina, Dorgival Dantas e Batista Lima. O horário do início e término da festa será mantido.
A festa será transmitida ao vivo pela Rádio Web KM Jurema, do jovem Pauliano Tomaz, conhecido por Mimim. Para ouvir o evento em tempo real, basta apenas você clicar aqui:http://www.radios.com.br/aovivo/KM-Jurema/35584 ou baixar no Play Store o aplicativo KM Jurema e instalar no celular/tablet.
Fonte e Fotos do Blog doAryel Aquino

A Prefeitura Municipal de Flores, Sertão da Pernambuco, irá publicar em breve o edital do concurso público para o preenchimento de vagas disponíveis a serem ocupadas.

 O processo licitatório para escolha da empresa que irá organizar o concurso já foi realizado e a empresa ganhadora foi a SISMETA.

 De acordo com informações repassadas ao "Blog do Casusa" via e-mail, em breve será divulgado o edital com todas as informações sobre o CONCURSO PÚBLICO da cidade de Flores no sertão pernambucano, provavelmente até 15 de junho terão inicio as inscrições. 

Foi adiantado ainda que serão oferecidas vagas para cargos de nível fundamental, médio e superior. 


Daria para fazer quase 30 000 casas pelo programa Minha Casa, Minha Vida. Somente entre 2013 e 2014, pelo menos 2,6 bilhões de reais do total da verba reservada ao Bolsa Família foram parar no bolso de quem não precisava.
A informação é resultado do maior pente-fino já realizado desde o início do programa do governo federal, em 2003. Feito pelo Ministério Público Federal a partir do cruzamento de dados do antigo Ministério do Desenvolvimento Social com informações de órgãos como Receita Federal, Tribunais de Contas e Tribunal Superior Eleitoral, o exame detectou mais de 1 milhão de casos de fraude em todos os estados brasileiros.
O Bolsa Família, um valor mensal a partir de 77 reais por pessoa, é destinado exclusivamente a brasileiros que vivem abaixo da linha da pobreza. A varredura mostrou, no entanto, que entre os que receberam indevidamente o auxílio no período estão funcionários públicos, mortos e até doadores de campanha (veja o quadro na pág. ao lado).
Só de funcionários públicos foram 585 000 os beneficiários ilegais. Em todos os casos, os contemplados ganhavam ao menos um salário mínimo (piso da categoria) e, segundo apurou o estudo, pertenciam a famílias com renda per capita acima de 154 reais - situação que os impediria de receber o benefício.
O fato de esses funcionários serem majoritariamente servidores municipais reforça a tese do Ministério Público de que esse tipo de fraude não dispõe de um comando centralizado. "Nasce daquele microcosmo do município em que o cadastrador conhece quem está sendo habilitado e não tem interesse em realizar uma fiscalização correta sobre suas condições de pobreza", afirma a procuradora Renata Ribeiro Baptista, que coordenou a pesquisa.
Os doadores de campanha ocupam lugar de destaque no ranking das categorias de fraudadores identificadas no estudo. O Ministério Público encontrou 90 000 beneficiários do programa que, em 2014, doaram a políticos ou partidos valores iguais ou superiores aos recebidos do programa naquele ano e casos de grupos de dez ou mais beneficiários que transferiram verbas para um mesmo candidato.
O levantamento achou ainda beneficiários sem CPF ou com mais de um CPF, além de 318 000 beneficiários que eram donos de empresas. Abrir uma empresa não significa necessariamente que alguém seja um sujeito de posses (o processo para constituir uma firma pode custar pouco mais de 200 reais), mas o Ministério Público acredita que poucos dos contemplados nessa situação conseguirão provar que vivem abaixo da linha da pobreza.
Os 2,6 bilhões desviados correspondem a 4,5% do total investido no programa no período e estão abaixo da média internacional, apontada pelo Banco Mundial, de 10% de desvios em programas sociais. Para a procuradora Renata Baptista, porém, a estimativa do MPF é "conservadora". Segundo ela, muitas fraudes ficaram de fora do levantamento. "Apenas servidores com quatro ou menos familiares entraram no estudo." O prejuízo ainda vai aumentar.

Por: Pieter Zalis26/05/2016 às 21:35 - Atualizado em 26/05/2016 às 21:35
Revista Veja 

A festa continua na cidade de Tavares hoje 28 de maio é o dia das Bandas: Dorgival Dantas, Batista Lima e Feitiço de Minina. 


A Reitoria do IFPE e a Direção Geral do Campus Afogados da Ingazeira vem por meio deste prestar esclarecimentos à comunidade a respeito dos últimos boatos que circularam nas redes sociais. 

O IFPE é resultado de uma política pública coletiva, a interiorização e expansão da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, da qual o Campus Afogados da Ingazeira faz parte, processo este legitimado pela sociedade. O secretário da SETEC, em conversa com a Magnífica Reitora, professora Anália Ribeiro, esclareceu que o Exmo. Ministro da Educação, manifestou, informalmente, a intenção de divisão do IFPE, dando origem ao IF Agreste. 

Portanto, as notícias de extinção do Campus Afogados da Ingazeira não passam de boatos. A Reitora do IFPE conclama servidores, alunos, colaboradores e toda a comunidade a se unir para fortalecer o IFPE, ao tempo em que aguarda um posicionamento oficial do MEC. Nesse sentido, a Direção Geral do Campus Afogados solicita da comunidade acadêmica do Pajeú que mantenham a serenidade e aguardem o posicionamento oficial do MEC.

O Ministério do Trabalho e Emprego (MTE)  informou que realizou uma inspeção no teleférico de Triunfo, no Sertão de Pernambuco, nos dias 25 e 26 de maio. Um homem de 33 anos - que realizava manutenção no equipamento - morreu após cair de uma altura de aproximadamente 12 metros no dia 17.
O auditor fiscal Francisco Reginaldo disse que investiga o caso e manutenções nas torres do teleférico estão suspensas até a conclusão do relatório final. Segundo ele, para voltar a funcionar, deve ficar legalmente comprovado que o sistema de trabalho atende à legislação, incluindo a capacitação dos trabalhadores.
Reginaldo explicou que o MPT voltará ao local no dia 6 de junho para dar prosseguimento às investigações. De acordo com o auditor, o parecer definitivo sobre as causas do acidente deve ser finalizado no prazo máximo de 30 dias. Serão analisados documentos, Equipamento de Proteção Individual (EPI) e procedimentos de protocolo de segurança.
Fonte: G1


Um evento marcado para 11 de junho está dando o que falar nas redes sociais. A praia de Massarandupió, na Bahia, será palco do primeiro “Forró Nu” do Nordeste. Se você está achando que tem coisa “errada” aí, calma que eu explico. A praia em questão é única oficial destinada a prática de naturismo na Bahia. Logo, o evento era destinado aos casais que já frequentam o local normalmente.

O problema é que o cartaz de divulgação acabou caindo em um grupo no WhatsApp (por que eu não estou surpreso?) e começou a viralizar. “Já tem três dias, que recebo ligações de todo o país. Até mesmo de gente de fora… (risos). Todo mundo quer vir para cá”, disse o organizador da festa, que preferiu não se identificar, em entrevista ao site da TV Aratu.

Só que com tanta repercussão, é possível que o evento não aconteça. Afinal, a festa havia sido pensada para um grupo pequeno de pessoas. E pode ir limpando essa sua mente suja aí. Ficar pelado não é obrigatório na festa.

A equipe de enfermagem e condutores do SAMU de Manaíra participaram durante os dias 25 e 26 deste mês, do curso de capacitação em APH (atendimento pré-hospitalar) ofertado pelo Coren-PB. O curso que faz parte do projeto Fiscalizar Educando foi realizado na sede da Escola Professor Cícero Rabêlo Nogueira. A equipe também realizou uma simulação em praça pública.


   Em visita a cidade, o presidente do Conselho Regional de Enfermagem da Paraíba, Ronaldo Beserra, parabenizou o Prefeito Zé Simão, pela a competência e atendimento da sua solicitação, reconduzindo os enfermeiros ao SAMU, em respeito a Lei 7.498/86, garantindo a rápida e completa assistência pré-hospitalar para o cidadão manairense.
    Zé Simão garantiu também que em breve estará a disposição da equipe, o DEA (Desfibrilador Externo Automático), aparelho que auxilia na reanimação de pacientes vítimas de parada cardiorespiratória.
 Ronaldo aproveitou para apresentar aos vereadores Luiz Gonzaga e João Biral o projeto de regulamentação das 30h semanais para enfermagem no município.

Em rede social o presidente fez elogios ao prefeito e toda a equipe pela acolhida e por disponibilizar este serviço de atendimento tão importante para o cidadão manairense.
Escreveu ele: "Nesta qua 25 fim de tarde chegamos em MANAIRA. Levando capacitações para a equipe do SAMU tendo em vista o Retorno dos Enfermeiros pelo prefeito.Parabenizar a Gestão Municipal na pessoa do Prefeito Dr José Simão por entender que a Saúde do cidadão está em primeiro lugar. Agradecer tbm ao Sec de Saúde, Dr Ivan, A Coord. do Samu Dra Edna e a todos os Vereadores na pessoa do vereador Luis Gonzaga e João Biral

A coordenadora do Samu Edna também fez seus agradecimentos
 




Fonte e fotos Manaíra em  Destaque